frete grátis em compras para SP e RJ a partir de R$ 150

10% OFF com: PRIMEIRACOMPRA

O Que É Plant-Based? Um Guia para Iniciantes

o que é plant based
Imagem: Elsa’s Wholesome Life

A dieta plant-based deixa de ser exclusividade do mundo de nutricionistas e gurus wellness para figurar como uma opção acessível e possível na rotina. Graças a uma série de livros, artigos, documentários populares e blogs sobre o tema, além de uma maior conscientização sobre os benefícios e o impacto que os hábitos alimentares têm no corpo e no meio ambiente, o estilo de vida plant-based é cada vez mais buscado – por pessoas comuns.

Acreditamos em formas simples de cuidar de nós mesmos e do planeta. Nutrir-se à base de plantas é uma das melhores coisas que você pode fazer pelo seu corpo e bem-estar. E é mais fácil do que você imagina! Inspire-se com todos os benefícios que a dieta plant-based oferece:

O que é Dieta Plant-Based?

Dieta plant-based é, simplesmente, consumir principalmente ou exclusivamente alimentos de origem vegetal. Isso significa uma ampla gama de opções, incluindo infinitas combinações possíveis de vegetais, frutas, grãos integrais, legumes, nozes, sementes, hortaliças, gorduras saudáveis, ervas e especiarias.

Plant-Based e vegetarianismo não significam a mesma coisa

No estilo de vida plant-based, as plantas são a base da dieta. Isso significa que ela não é limitada a rótulos como vegan, raw, paleo, etc., mas é um modelo a partir do qual você constrói sua própria alimentação.

Embora o veganismo e o vegetarianismo sejam dietas baseadas em vegetais, na maioria das vezes, elas são definidas de acordo com o que você elimina da sua dieta.

Começamos pelos veganos.

Veganos consomem exclusivamente produtos vegetais, excluindo todo alimento de origem animal, como carnes de animais, laticínios, ovos, gelatina e mel. Veganos também não usam roupas e itens feitos com produtos de origem animal, ou seja, não usam pele, couro, lã, pérolas ou penas, além de cosméticos que incluam algum ingrediente animal.

Já o vegetarianismo tem diversas variações. Por exemplo, ovolactovegetarianos não consomem nenhum tipo de carne, mas consomem laticínios e ovos.

Já na plant-based, a essência é o que está incluído e não o que não está. Ela é mais flexível. Existem pessoas que adotaram uma dieta plant-based, mas não são vegetarianos, comendo uma pequena porção de carnes, laticínios ou ovos por semana, mas com a maior parte da alimentação baseada em vegetais.

Mesmo que levem “dieta” no nome, todas são um estilo de vida em busca de uma saúde melhor, e não tem nada a ver com restrições de calorias ou contar macronutrientes como proteínas e carboidratos.

Quais são os benefícios da dieta Plant-Based?

Nas últimas décadas, estudos científicos descobriram que uma dieta baseada em vegetais pode ser o caminho para a prevenção de doenças.

A nutrição plant-based inclui alimentos ricos em nutrientes, minerais, vitaminais, gorduras, fibras, antioxidantes e proteínas. São alimentos integrais, em sua forma natural, que não foram processados, manipulados ou aditivados.

Dentre os benefícios para a saúde associados à dieta plant-based, de acordo com o livro Plant-Based Nutrition, estão:

  • Diminuição da mortalidade geral e isquêmica por doença cardíaca
  • Manutenção do peso saudável
  • Redução no risco de doenças crônicas, incluindo alguns tipos de câncer, como gastrointestinal e colorretal
  • Diminuição da incidência e gravidade de doenças de alto risco, incluindo obesidade, hipertensão, hiperlipidemia e hiperglicemia.
  •  Melhora na condição doença arterial coronariana avançada e diabetes tipo 2

OhTip: se você quer começar a transição para uma dieta baseada em plantas, pense em incluir mais vegetais, legumes, grãos, frutas e alimentos naturais em geral, e não apenas em não comer carne. Fica bem mais fácil, já que há uma tendência a ingerir muitos alimentos processados – como pães e massas – quando pensamos apenas em excluir a carne, e não em adicionar frutas e vegetais nas refeições.